Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2012

Mens Agitata

Oh! Se o amor da Mãe divina não me dobrar, Se à glória da Virgem meus lábios não se abrirem, Que meu coração vença em dureza A pedra, o ferro, o bronze, O diamante indomável! Quem me dera encerrar na arca do peito A tua virginal imagem, Para envolver-te, piedosa Mãe, em chamas! Sê tu, com teu menino, O único prazer, anseio, amor do meu coração! José de Anchieta

Mater Admirabilis

Quando eu entrei naquela igreja, estava
Nossa Senhora ao pé de Jesus Cristo;
Parecia que a santa me fitava
Como se nunca me tivesse visto.

– Não me conheces, Mãe? – É que eu pecava,
E vim te ver e te contristo:
O resto do teu filho o vício cava,
Mãe, minha Mãe, eis o que sou – sou isto!

Mas noto em teu olhar um certo brilho...
Deixe que eu beije a fímbria do teu manto,
Talvez tu reconheças o teu filho.


Talvez fosse ilusão tudo o que eu via:
Quando, de novo, olhei seu rosto santo,
Nossa Senhora para mim sorria...

Autor: Djalma Andrade

Oração Nossa Senhora do Desterro

Imprimir e dobrar.

Oração a São Miguel Arcanjo

(pequeno Exorcismo)
São Miguel Arcanjo, defendei-nos neste combate, sede o nosso auxilio contra as maldades e  ciladas do demónio.Instante e humildemente vos  pedimos que Deus sobre ele impere, e Vós, Príncipe da milícia celeste,com esse poder  Divino, precipitai no inferno Satanás e aos outros espíritos malignos, que vagueiam pelo mundo para a perdição das almas. Amem




NOVENA DA NATIVIDADE DE NOSSA SENHORA

FESTA DO NASCIMENTO DE NOSSA SENHORA EM 8 DE SETEMBRO

NOVENA PREPARATÓRIA EM FAMILIA, DA NATIVIDADE DE NOSSA SENHORA
De 30 de Agosto a 7 Setembro
Esquema da Celebração:
(Inicia-se com a invocação:)
Ó Deus vinde em nosso auxilio; Senhor, socorrei-me e salvai-nos. Glória ao Pai, e ao Filho, e ao Espirito Santo Como era no principio, agora e sempre. Amem.
(Segue-se a habitual invocação do Espirito Santo, A seguir  reza-se o terço como habitualmente incluindo, em cada mistério, a invocação:)
Ó Maria, pela vossa Imaculada Conceição, Purificai o meu corpo, a minha alma e o meu coração.
(Após a Salvé Rainha, reza-se a prece da novena do respectivo dia seguida de uma Ave Maria e do seguinte Oremus:)
O vosso nascimento ó Virgem Mãe de Deus; Anunciou a alegria a todo o mundo. OREMUS: Concedei, Senhor, aos vossos servos, o dom da graça celestial para que, sendo para eles o parto da Virgem o principio da salvação, a solenidade do seu nascimento lhes traga o aumento da verdadeira paz. Por Nosso Senhor Jesus Cristo V…

CONTRASTES

Sofre minha alma afligida na profundeza do meu peito, e lateja meu coração em amores do Imenso.

Guardo em silêncio as vozes
que me perfuram, ferindo, em queixumes do que amo, com torturantes tormentos.

Profundezas de meus vulcões…!,
guarde o mistério o segredo de Deus que rompe em queixumes, escondido em meus encerros.

Contrastes de vida e morte,
mistério de terra e céu; labaredas de amor puro, gelos de noites em dós:

Deus que me abrasa em suas chamas
ao longo do desterro, enquanto a terra me fere com o frio de seus gelos!
Silêncio, segue ocultando quanto gemo no meu interior: Dias carregados de glória…!, noites geladas de inverno…!

MÃE TRINIDAD DE LA SANTA MADRE IGLESIA SÁNCHEZ MORENO Fundadora de A Obra da Igreja


FONTE:CLICAR AQUI - PDF

POTÊNCIA DIVINA

Na potência divina do seu ser-se ser-se o Ser, Deus vive a sua vida em si sendo tudo quanto é.
Deus se é sabedoria que, rebentando em poder, sabe quanto pode ser-se, e é quanto se pode ser, pela sua subsistência eterna de sapiencial entender.

Em tal potência infinita,
que, no seu inexaurível ser, Ele se é quanto se pode na sua maneira de ser.

Ó, o que és, meu Deus…!
Ó, o que te podes ser…! Ó, como to estás sendo pelo teu coeterno poder…!

O ser-te o que te és
produz em Ti tal prazer, que Tu subsistes em gozo, ao ser tudo por teu ser.

Te és o Infinito
em tua maneira de ser, nessa que Tu te tens pelo teu infinito poder.

Ó, quanto podes, meu Deus,
pelo teu infinito saber de suficiência divina em teu subsistente ser!
9-1-1967
MÃE TRINIDAD DE LA SANTA MADRE IGLESIA SÁNCHEZ MORENO Fundadora de A Obra da Igreja


FONTE:CLICAR AQUI - PDF

No silêncio do Sacrário

«A alma amante apercebe o respirar do Eterno em seus tempos de sacrário, que são romances de Céu.


O respirar do Deus vivo
é inéditos concertos..., é melodias de glórias..., é sabores do Imenso...


o respirar de Jesus
é segredo e é silêncio, é doce penetração na profundeza do meu peito;


recreação da minha alma,
apetências por pegá-lo e âncias por palpitar ao som do seu acento.


O respirar de Jesus
é sabido no silêncio, é gostado no sacrário e é vivido no segredo»
28-01-1973 Sánchez Moreno (Fundador de A Obra da Igreja)

Capela do Santissimo

Fraternidade Missionaria de Cristo Jovem, em Requião.

Interior capela de Adoração.







presépio do exterior:




Aqui , edições da Boa Nova, da Fraternidade C.J.

Colégio Salesianos Porto (antigo Colégio do Órfãos do Porto)

1º e 3º Sabado, fazem Adoração ao Santissimo.







QUEM É A MADRE EUGÉNIA?

Nascida em 1907 em San Gervasio d'Adda, Itália, conheceu muito cedo o sofrimento e sobreviveu, depois de um milagre obtido pelo seu avô junto da Santíssima Virgem, que ela própria vê. O seu avô dá muita importância à oração na família e vai-lhe dando preciosos ensinamentos, que ajudam a criança a crescer religiosamente. Um dia, mostrando-lhe o rio Adda, disse-lhe: - "Olha para a água, ela corre e afasta-se , se parasse seria um pântano de água estagnada. Assim sucede com os teus sofrimentos, as tuas lágrimas e as tuas lutas: elas passam, não as pares. Tudo passa, oferece a Deus e aceita cada dia a Sua Vontade. Não olhes para a pessoa que te causa o sofrimento. recebe-o das Suas mãos, nada é por acaso; Deus segue as Suas criaturas passo a passo. Ele nos ama mesmo se nós não compreendemos todos os porquês. Coragem, segue sempre em frente e espera que o sofrimento passe". Elisabetta aproveita bem estes ensinamentos dados pelo seu querido avô. Ela repetia estas palavras embl…

Novena à Deus Pai

Novena a Deus Pai - inicia dia 29 Julho e vai até dia 7 de Agosto - Dia de Deus Pai)




Oh! meu Pai dos céus, como é doce e suave saber que Vós sois meu Pai e que eu sou Vosso(a) filho(a). É sobretudo quando o céu da minha alma é negro e a minha cruz mais pesada que sinto a necessidade de vos dizer: Pai, eu creio no Vosso Amor por mim! Sim, eu creio que Vós sois meu Pai e que eu sou Vosso(a) filho(a)! Eu creio que Vós me amais com amor infinito. Eu creio que Vós velais dia e noite por mim e que nem um cabelo cai da minha cabeça, sem Vosso consentimento! Eu creio que, infinitamente Sábio, Vós sabeis muito melhor do que eu o que me covém! Eu creio que, infinitamente Poderoso, Vós tirais o bem do mal! Eu creio que infinitamente Bom, Vós fazeis que tudo concorra para o bem daqueles que Vos amam; or detrás das mãos que ferem, eu beijo Vossa mão que cura! Eu creio que, mas aumentai a minha fé e, sobretudo, a minha esperança e a minha caridade! Ensinai-me a saber ver o Vosso amor dirigir todos …

Indulgência da Porciúncula - Perdão de Assis

São Francisco de Assis, em 1216 teve uma visão:

O próprio Jesus lhe apareceu, acompanhado de sua Santa Mãe e lhe pedia: Francisco, vai
até o meu representante, o Papa e peça a ele esta graça: que todos os que visitarem a capela
da Porciúncula ( capela dedicada a Nossa Senhora dos Anjos), estando em dia com os
sacramentos da Confissão e Eucaristia, e professando a Fé dos Apóstolos, possam receber o
perdão completo de todas as penas dos pecados até então cometidos.
O papa achou inusitado o pedido de Francisco, mas conhecendo a sua santidade, concedeu
este favor, que depois foi estendido a toda as igrejas franciscanas e agora para todas as
matrizes paroquiais.
Esta indulgência é concedida a todos os fiéis que comparecem nessas igrejas, recebendo o
perdão da Confissão e a Eucaristia, rezando a Profissão de Fé e as orações do Pai Nosso -
Ave Maria e Glória, nas intenções do Santo Padre.
A Indulgência da Porciúncula somente era concedida a quem visitasse a Igreja de Santa
Maria dos Anjos, …

Obra Do Amor - Divino

OPORTET ILLUM REGNARE

"Procurei alguém que sofresse comigo!
e ninguem apareceu!
alguém que Me consolasse!!
E não achei ninguém!!!
                                               (Ps.68)



O que é a Obra Do Amor - Divino?
A Obra do Amor Divino é a Fraternidade das almas totalmente dedicadas á difusão do Reinado de Jesus Cristo a cujo Sacratíssimo Coração se consagram com voto perpétuo de amor-reparador!

Por Quem, quando e onde foi fundada a Obra?
A Obra do Amor Divino foi fundada pelo Padre Alberto Gonçalves Gomes, paroco de Travassos, concelho da Povoa de Lanhoso, que se sentiu divinamente inspirado a fundá-la na primavera de 1917 e que faleceu santamente em 29 de Março de 1974.

Qual o fim desta Obra?
O fim desta Obra é compensar o amor devido a Deus e que os homens ingratamente Lhe negam, e levar a Redenção do Calvário, a toda a Humanidade, promovendo a conversão dos pecadores, a persererança dos justos, a salvação dos moribundos e o alivio das Almas do Purgatorio. Para conseguir ta…

Obra do Amor Divino

Pe. Alberto Gonçalves Gomes (1888-1974), sacerdote, fundador da Obra do Amor Divino. Filho de Domingos António Gomes e de sua mulher, Joaquina Rosa Alves, Alberto Gonçalves Gomes nasceu na freguesia de Travassos no dia 17 de Agosto de 1888. Era o primeiro dos oito filhos deste casal: quatro meninas e outros tantos rapazes. Pequenos industriais de ourivesaria, os pais de Alberto deram-lhe uma educação cristã. De débil constituição, o pequeno era dado a graves problemas de saúde. Um dia, durante uma dessas crises de saúde, sua mãe levou-o a um farmecêutico de Porto d’Ave que lhe torceu o nariz. Diz-se que foi nessa ocasião que a mãe do pequeno o prometeu a Deus. Em 1902, Alberto frequentou o ensino liceal em Guimarães até ao final do 2º Grau, altura em que manifestou vontade a seu pai de frequentar o seminário. Aos 16 anos de idade, entrou para o seminário de Santo António, em Braga, onde completou os preparatórios, ingressando, em 1911, no seminário de S. Tiago, onde completou o curso de…